Professor Responsável

Alexander Turra

Possui graduação em Bacharelado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Campinas (1994), graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Campinas (1994), mestrado em Ciências Biológicas (Ecologia) pela Universidade Estadual de Campinas (1998) e doutorado em Ciências Biológicas (Ecologia) pela Universidade Estadual de Campinas (2003). Atualmente é professor do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo. Tem experiência nas áreas de Ecologia Marinha, Oceanografia Biológica e Gerenciamento Costeiro, atuando principalmente nos seguintes temas: Manejo e conservação marinha; Impacto ambiental marinho. Ecologia de populações marinhas, com ênfase em caranguejos ermitões; Estrutura e organização de comunidades marinhas.

Pesquisadores Convidados

Márcia Regina Denadai

Possui graduação em Ciências Biológicas (1994), mestrado (1997) e doutorado (2001) em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; pós-doutorado em Ecologia Marinha pela Universidade Estadual de Campinas (2001-2005; FAPESP) e pelo Centro Universitário Módulo/UNIMÓDULO (2007-2009; FAPESP). É presidente executiva do Instituto Costa Brasilis - Desenvolvimento Socioambiental (desde 2006). Atua nas seguintes áreas: ecologia de comunidades e de populações, praias arenosas, taxonomia de moluscos, cultura tradicional caiçara, uso sustentável de recursos marinhos, efeitos das mudanças climáticas na biota e ecossistemas costeiros marinhos, impacto do lixo nos mares, educação ambiental, administração e gerenciamento do terceiro setor.

Pesquisadores de Pós-Doutorado

Fernanda Terra Stori

Doutora (2010) e Mestre (2005) em Ecologia Recursos Naturais pela Universidade Federal de São Carlos. Possui bacharelado em Oceanografia (2000) e especialização em Gestão Ambiental (2003) pela Universidade do Vale do Itajaí. Atualmente é bolsista FAPESP de Pós-Doutorado integrando o grupo de pesquisa do Projeto Biota Araçá-Fapesp (Módulo 10-Gestão Integrada) pelo Laboratório de Manejo de Ecossistemas Marinhos (LabManejo) do Instituto Oceanográfico da USP. Atua nas áreas de Planejamento, Manejo e Conservação Costeiro-Marinha; Etnoecologia e Ecologia Humana; Sistemas Socioecológicos; e Educação Ambiental. Desenvolve atividades de pesquisa e extensão em comunidades pesqueiras, organizações produtivas e em fóruns participativos de gestão.

Guilherme Nascimento Corte

Sou bastante interessado em como e por que organismos e comunidades biológicas se organizam na natureza. Atualmente, sou pesquisador de pós-doutorado na Universidade de São Paulo (USP, Brasil) e minha pesquisa foca na ecologia de invertebrados marinhos e no funcionamento de ecossistemas costeiros. Sou bacharel e licenciado em biologia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP, Brasil) e obtive os títulos de mestre e doutor em ecologia pela mesma universidade. Durante meu doutorado, trabalhei por um ano no Grupo de Ecossistemas Marinhos e Costeiros (CMEG) da Universidade de Sydney, Austrália.

Hélio Checon

Graduado em Ecologia pela Universidade Estadual de São Paulo, com mestrado e doutorado em Ecologia pela Universidade Estadual de Campinas. Atualmente é pós-doutorando no Laboratório de Manejo, Ecologia e Conservação Marinha, do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo. Desenvolve pesquisas com ecologia de comunidades bentônicas em ecossistemas costeiros (Estuários, manguezais e praias arenosas), com enfoque no estudo dos fatores que estruturam essas comunidades em diferentes escalas, no efeito das atividades antrópicas, e no uso de indicadores marinhos que forneçam subsídios ao manejo das áreas costeira

Leandra R Goncalves

Leandra Gonçalves possui uma formação interdisciplinar e com especial interesse em políticas públicas ambientais, instituições internacionais e manejo de recursos naturais de uso comum, em um contexto de desenvolvimento sustentável e de governança ambiental.

É graduada em Ciências Biológicas pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas-SP e Mestre em Biologia pela Universidade Federal de Juiz de Fora/MG e Doutora pelo Instituto de Relações Internacionais da USP. Vem trabalhando com diversas organizações não-governamentais como o Greenpeace, a Fundação SOS Mata Atlântica e outros. É participante algumas redes nacionais de conhecimento como a Ouvidoria do Mar e o PainelMar.

Atualmente é pesquisadora da Plataforma Brasileira sobre Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos (BPBES) e pós-doutoranda pelo Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo, onde sua pesquisa integra o projeto temático “Governança Ambiental da Macrometrópole Paulista face à variabilidade climática”.

Leopoldo Cavaleri Gerhardinger

Cientista preocupado trabalhando com tópicos variando da ecologia e etnoecologia marinha para, mais recentemente, teorias e práticas na governança dos oceanos. Além da academia, está ativamente envolvido na construção de redes de conhecimento-para-ação, usando ferramentas baseadas na web e abordagens de facilitação transdisciplinar para fortalecer novos tipos de engajamento voluntário para a melhorar a governabilidade e saúde dos oceanos.

Luciana Yokoyama Xavier

Possui graduação em Oceanografia (2006), mestrado (2010) e doutorado (2017) na área de Oceanografia Biológica com ênfase em gestão costeira, ambos pelo Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IOUSP). Atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutorado junto ao Laboratório de Manejo, Ecologia e Conservação Marinha do IOUSP, atuando com temas relacionados à gestão costeira, gestão de áreas marinhas protegidas, participação social, governança ambiental, aprendizagem social e integração ciência-gestão.

Doutorandos

Flavia Salvador Cesa

Doutoranda no Programa de Pós-graduação em Ciência Ambiental pela Universidade de São Paulo. Mestre em Ciências pela Universidade de São Paulo (2017). Especialista em Gestão de Projetos pela Fundação Vanzolini (2013). Graduada em Engenharia Têxtil pela Fundação Educacional Inaciana (FEI) (2007). Possui publicações na área da Ciência Ambiental e atualmente pesquisa fibras sintéticas, como microplásticos.
Possui experiência em docência e controle de qualidade. Atuou no Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e estabeleceu o Departamento da Qualidade em importadora de tecidos, onde esteve por 7 anos gerenciando equipes e transferindo conhecimento para outras culturas. Atualmente é professora convidada na Pós-graduação de Moda e Criação da Faculdade Santa Marcelina.

Ivan Rodrigo Abrão Laurino

Formado em Ciências Biológicas (habilitação em Biologia Marinha [2012] e Gerenciamento Costeiro [2014]) pela Universidade Estadual Paulista - UNESP, Campus do Litoral Paulista. Mestre em Ciências com ênfase em Análise Ambiental Integrada [2016] pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP - Campus Baixada Santista e Diadema). Possui principal atuação na área de Ecologia de ecossistemas costeiros, com destaque para biodiversidade de ambientes bentônicos. Seu projeto de doutorado objetiva avaliar como processos da biodiversidade de praias arenosas inseridas em diferentes cenários podem ser influenciados por distúrbios associados a eventos climáticos extremos.

Maila Paisano Guilhon e Sá

Bióloga formada pela UNIFESP, campus Diadema (2011) e mestre em Ciências pela UNIFESP (2016). Desde 2017 é doutoranda no Instituto Oceanográfico da USP. Atua na gestão e conservação de fundos marinhos frente a novos usos humanos, como a mineração, por meio da utilização da gestão baseada em ecossistemas.

Paola Sanches

Bióloga, bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina (2010), mestre em Ecologia pelo Programa de Pós-Graduação em Ecologia, também pela UFSC (2013) e doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Oceanografia Biológica, pelo IO - USP. Tem interesse na compreensão dos processos ecológicos em ambientes marinhos e costeiros, com ênfase em conectividade de ecossistemas, comunidades e populações, biogeografia e macroecologia, com foco em conservação.

Yasmina Shah Esmaeili

Tenho um mestrado em ciência e gestão marinha e lacustre com foco em biodiversidade e ecologia, pelo programa interuniversitário das Universidades de Ghent, Antuérpia e Bruxelas. A dissertação do mestrado foi feita em colaboração com a Universidade de Sydney, Austrália, durante um programa de intercâmbio e tratou de áreas protegidas marinhas costeiras. O meu projeto de doutorado trata da ecologia das populações de peixes e da importância da conectividade e das interações tróficas na zona de surf de praias arenosas, a fim de fornecer conhecimentos básicos para conservação.

Mestrandos

Elisa Van Sluys Menck

Possui experiência em monitoramento de resíduos sólidos no meio marinho e atualmente atua como facilitadora de atividades de educação ambiental relacionadas a lixo no mar, realizadas pelo LabManejo em parceria com a Plastivida, Braskem e Instituto Costa Brasilis. Cursa Pós-Graduação em Análise Ambiental Integrada na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), e seu projeto busca fazer o levantamento e análise de atividades de educação ambiental no Brasil (realizadas por ONGs) que possuam como tema focal o lixo no mar.

Iara Martins Ottoni

Me formei em Oceanologia pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG) em 2016. Desde 2017 sou mestranda do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (USP). Grande parte do meu trabalho consiste em entender como as praias do Litoral Norte do estado de São Paulo são usadas. Para isso, estou desenvolvendo uma estratégia colaborativa escalonada incremental para seu mapeamento em larga escala.

Juliana Nascimento Silva

Formada em Engenharia Ambiental e Urbana pela Universidade Federal do ABC, com período sanduíche na Universidad Autónoma de Madrid. Atualmente realiza mestrado em Oceanografia no Instituto de Oceanografia da Universidade de São Paulo. Realiza pesquisa nas áreas de sustentabilidade e gestão de recursos naturais, especificamente com o berbigão Tivela mactroides na Enseada de Caraguatatuba.

Mariana Martins de Andrade

Bacharela em Oceanografia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), atualmente realiza mestrado em Oceanografia pelo Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IO-USP). Realiza pesquisas sobre gestão costeira, Ecosystem-based Management, Conhecimento Ecológico Local e Tradicional, Participação Social e Avaliação de Impacto Ambiental Marinho.

Marina Ribeiro Corrêa

Formada em Bacharelado (2016) e cursa Licenciatura em Ciências Biológicas pelo Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo. Atualmente faz mestrado com Gestão Costeira pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência Ambiental do Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo. Têm experiência em Biologia Marinha, atuando principalmente nos seguintes temas: Manejo e Conservação Marinha, Etnoecologia e Whale-watching.

Mayara de Oliveira

Possui graduação em Ciências Biológicas pe Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho - UNESP, com habilitação em Biologia Marinha e Gerenciamento Costeiro. Atualmente é aluna de mestrado no Instituto Oceanográfico da USP (IOUSP) na área de Oceanografia Biológica nos seguintes temas: Gestão Costeira, Manejo de Praias e políticas públicas.

Thaís Fonseca Rech

Bacharel em Oceanografia pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente atuando em gestão costeira, com grande interesse em mudanças climáticas e educação ambiental.

Iniciação Científica

Isabela Castro Ramos

Isabela é bacharela em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo (IB -USP). É aluna de iniciação científica no projeto de pesquisa em Praia do Forte – BA com o objetivo de investigar a percepção da comunidade local acerca do ambiente marinho, com enfoque na baleia-jubarte e como a comunidade se relaciona com o turismo de observação de baleias . Tem experiência voluntária em projetos realizados em áreas ambientais protegidas de grande relevância socioambiental na ONG Ecosteiros, no Parque Estadual da Ilha Anchieta ( PEIA - Ubatuba - SP) e no Insituto Baleia Jubarte (Praia do Forte - BA), desenvolvendo trabalhos de educação ambiental com a comunidade e turistas, bem como trabalhos de pesquisa científica.

Colaboradores

Caio Tancredi Zmyslowski

Oceanógrafo recém formado pelo IO-USP, com o trabalho final de graduação envolvendo alternativas sustentáveis de uso público em Unidades de Conservação sobrepostas a territórios de Comunidades Tradicionais, com foco no Turismo de Base Comunitária. Atua na área de Educação Ambiental, principalmente com crianças e adolescentes e na Permacultura com construções ecológicas, sistemas domésticos sustentáveis, agrofloresta, hortas urbanas e na logística de escoamento da produção agroecológica. Mergulhador subaquático avançado e membro do Programa de Políticas Públicas do IOUSP.

Marilia Nagata Ragagnin

Bióloga formada pela UNESP, com habilitação em Biologia Marinha (2012) e Gerenciamento Costeiro (2013); Mestre em Ciências pelo IOUSP (2017). Colaboradora no Projeto "Lixo nos Mares: do entendimento à solução", atuando na proposição e execução de atividades de educação ambiental. Tem experiência na área de ecologia marinha, com foco nos efeitos de estressores antrópicos em invertebrados marinhos.

Natalia de Miranda Grilli

Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo (2013) e graduação sanduíche na Universidade de Sydney (2012). Especialista em Gerenciamento Ambiental pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq-USP) (2016). Mestre em Oceanografia Biológica do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IO-USP) (2017). Atua em temas relacionados à gestão costeira integrada, interdisciplinaridade, sistemas sócio-ecológicos, educação ambiental e permacultura.

Tássia Oliveira Biazon

Graduada em Ciências Biológicas (Licenciatura/2013 e Bacharelado/2014) pelo Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP-Botucatu) e graduada em Biologia pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC-Portugal) em 2012. Pós-graduada (Lato Sensu) em Jornalismo Científico no Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) em 2016.